"Um país se faz com homens e livros"


LOBATO, José Bento Monteiro. Um país se faz com homens e livros IN: AMERICA. 5a.edição, São Paulo, Brasiliense, 1951. p.45 (Obras completas de Monteiro Lobato, v.8)

Capítulo 6: Homens e livros. Reminiscencias duma palestra no Corcovado. As pontas dos fios. A riqueza da biblioteca do Congresso. Hercules e Onfale. Como se formam palavras

          Um país se faz com homens e livros. Minha vista aos monumentos de George Washington e Lincoln provou-me que a America tinha homens. Ter homens, para um país, é ter Washingtons e Lincolns, forças tão marcantes que sobre sua obra não pode a morte. Viva enquanto viver a America, seus dois herois viverão com ela, dia a dia mais sublimados. Já nem mais são homens hoje, decenios passados do desaparecimento da cena, mais semi-deuses. Crescem sempre. Divinizam-se. Em torno destas pilastras a America se cristalizou. Nas maiores crises morais nunca lhe faltará o apoio do general que não mentia e do lenhador que impediu a destruição da obra do general.

(...)

Nota: Grafia conforme encontra-se no livro.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A importância das Bibliotecas em 33 motivos.

“A virgem dos lábios de mel, que tinha os cabelos mais negros que a asa da graúna, e mais longos que o talhe de palmeira. O favo da jati não era doce como seu sorriso...."

O sabão, de Monteiro Lobato