Postagens

Mostrando postagens com o rótulo incentivo à leitura

Projeto Poesia às 2as.feiras

Imagem
GULLAR, Ferreira. Oswald morto. IN: Toda poesia (1950-1999). 10ed., Rio de Janeiro, José Olympio, 2001. p.73

Enterraram ontem em São Paulo
um anjo antropófago
de asas de folha de bananeira
(mais um nome que se mistura à nossa vegetação tropical)

As escolas e as usinas paulistas
não se detiverem
para olhar o corpo do poeta que anunciara a civilização do ócio
Quanto  mais pressa  mais vagar

O lenço em que pela última vez
assoou o nariz
era uma bandeira nacional

NOTA:
Fez sol o dia inteiro em Ipanema
Oswald de Andrade ajudou o crespúsculo
hoje domingo 24 de outubro de 1954

Ultrapassado!? Sei...

Imagem

"Pesquisador da Casa Rui Barbosa, que vendia cocada na rua, diz que biblioteca pode mudar vida." Deixe a Biblioteca e os livros ajudarem em seu caminho também. Você vai sentir seus olhos abrirem para coisas não antes imaginadas.

Imagem
Mariana Menezes - MinC 
Formado em Biblioteconomia, Letras Francês, Letras Tradução Francês, Filosofia e Teologia e fluente em oito línguas, Cristian Santos, servidor público da Câmara dos Deputados e pesquisador da Fundação Casa de Rui Barbosa (FCRB), acaba de receber um dos mais importantes prêmios literários da América Latina, o Casa de las Américas, na categoria literatura brasileira. Cristian foi premiado com o livro Devotos e devassos - Representação dos padres e beatas na literatura anticlerical brasileira, resultado da tese de mestrado feita pelo pesquisador na Universidade de Brasília (UnB)..

O livro premiado traça um panorama da representação de personagens religiosos em três livros da segunda metade do século XIX considerados anticlericais: O Mulato e O Homem, de Aluísio Azevedo, e Morbus: Romance Patológico, de Farias Neves Sobrinho.
Segundo Cristian, a literatura e as bibliotecas o salvaram de uma condição de muita vulnerabilidade social. O brasiliense vendeu cocada dos nove…

Programa Agentes de Leitura

Imagem
A Prefeitura deGuarulhos, por meio da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte eLazer– e do Ministério da Cultura, lança o edital do Programa Agentes de Leitura.


O programa tem a finalidade democratizar o acesso ao livro e à leitura, e vai selecionar 108 jovens e adultos, entre 18 e 29 anos para atuarem durante um ano, atuando em suas comunidades promovendo atividades de estímulo à leitura. Ele ainda objetiva estimular ações literárias e colaborar com o desenvolvimento humano, mediante ao acesso dos serviços culturais nos locais de alta vulnerabilidade social da cidade. Para participar, os interessados devem se inscrever pela internet, no seguinte link: eventos.guarulhos.sp.gov.br, no período de 3 de julho a 4 de agosto.

Crianças Que Crescem Cercadas De Livros Terão Mais Chances De Enriquecerem, Diz Estudo

Imagem
Um estudo realizado por economistas da Universidade de Pádua, na Itália, mostra que crescer cercado de livros faz bem para as pessoas. Não só isso: a pesquisa, que foi publicada no The Economic Journal sugere ainda que quem teve mais contato com livros durante a infância se sai melhor, até mesmo financeiramente, na vida adulta. Os pesquisadores coletaram dados de homens com idades entre 60 e 96 anos de nove países europeus e avaliaram os livros com os quais essas pessoas tiveram contato quando tinham apenas dez anos. A partir destas informações, os economistas observaram que as crianças que cresceram com mais de dez livros que não eram leituras obrigatórias para escola — ou seja, que leram por puro prazer — tinham salários 21% melhores do que o restante. O estudo faz questão de apontar que o salário da vida adulta não é o único ganho significativo que as pessoas têm ao crescer cercadas de livros. “Crianças que crescem em casas com livros têm mais chances de aprender sobre a vida e o 

Precisamos falar sobre livros

Imagem
Por Danilo Venticinque

Vivemos discutindo filmes e séries de TV. Por que a literatura não pode ser tema de conversas cotidianas? O que você tem lido ultimamente? Há algum tempo decidi fazer um esforço consciente para perguntar isso às pessoas com quem encontrava no dia a dia. Eram poucos os que respondiam de imediato, citando os títulos dos últimos livros que despertaram seu interesse. A maioria enrolava, dizia que a vida andava corrida e tinha alguma dificuldade para lembrar o último livro que leu. Muitos desconversavam e mudavam de assunto imediatamente. Houve até quem mostrasse alguma irritação. Como se fosse um absurdo supor que todo mundo deveria estar lendo algum livro. Mesmo amigos que têm o hábito de ler reagiram com um pouquinho de perplexidade quando fiz essa pergunta. Não estamos acostumados a falar sobre livros no dia a dia. Soa até um pouco pedante questionar alguém sobre seus hábitos e preferências de leitura. Pergunte às mesmas pessoas sobre as séries que elas têm acompanhad…

Como dizia Monteiro Lobato: "um país se faz com homens e livros." Precisamos aumentar essa média de livros por ano.

Imagem

Razões científicas para ler mais do que lemos

Imagem
Fonte: El PaísA leitura, além de melhorar a empatia e o entendimento dos demais, é um dos melhores exercícios possíveis para manter em forma o cérebro e as capacidades mentais.
Brasil tem mais leitores a cada ano. Em 2011, eram 50% da população. Em 2015, eram 56%, segundo a pesquisa Retratos da Leitura no Brasil. Contudo, isso também significa que 44% da população não lê. Ainda pior: 30% nunca comprou um livro. Alguns argumentos científicos, em especial da neurociência, podem ajudar a melhorar esses índices.

Quanto mais livros em casa, melhor a capacidade de leitura da criança.

Imagem
Vitória Batistati - Revista Crescer 
No início deste mês, o jornal Pediatric Academic Societies Meeting publicou um novo estudo que mostra que a proximidade das crianças com os livros ainda na primeira infância pode aumentar as habilidades delas com o vocabulário e a leitura nos anos seguintes.
A descoberta dos pediatras foi reveladora: eles perceberam que aquilo que os bebês escutam nas leituras permanece com eles e exerce influência no aprendizado quatro anos depois, quando chega a hora de ingressar no ensino primário. Para chegar a esse resultado, os especialistas analisaram, durante quase 4 anos, a compreensão da linguagem e as habilidades de leitura em mais de 250 mães e seus filhos de 6 meses até eles completarem 4 anos e meio.
A conclusão a qual os pediatras chegaram foi é que, quantos mais livros a família tiver em casa, mais desenvolvida será a linguagem da criança no futuro. Como explica uma das cientistas responsáveis pelo estudo, famílias que possuem 100 livros em casa têm fi…

Para quem não gosta de ler: Machado de Assis e Guimarães Rosa deveriam ser lidos por leitores jovens?

Imagem
Texto adaptado da coluna do Jornalista Raphael Montes do Jornal "O Globo". Esse texto é para você ou não?
No último dia 23 de abril comemorou-se o Dia Mundial do Livro, criado pela Unesco para encorajar as pessoas, especialmente os jovens, a descobrir os prazeres da leitura e a conhecer a enorme contribuição dos autores de livros através dos séculos. A data foi escolhida pelo fato de que, neste dia do ano de 1616, morreram Miguel de Cervantes, William Shakespeare e Garcilaso de la Vega. Outros escritores importantes também nasceram ou morreram em 23 de abril, como Maurice Druon, Vladimir Nabokov, Manuel Mejía Vallejo e Josep Pia.
Tenho íntima relação com os livros e não poderia deixar de aproveitar o espaço desta coluna para comemorar a data. No entanto, tomado pelo espírito da festividade, direciono este texto não aos meus pares — aqueles apaixonados por livros, que devoram as páginas para mergulhar em um novo mundo —, mas sim àqueles que não gostam de ler; que acham chato,…

O hábito de ler é o que nos torna mais humanos, diz a ciência.

Imagem
por Giovana Feix, via M de Mulher
Você pode estar precisando de uma desculpinha para ler mais (ou para estimular alguém a fazer o mesmo) ou de um empurrãozinho para decidir qual será sua próxima leitura. Ou pode estar, simplesmente, querendo entender um pouco melhor como funciona essa coisa bem louca chamada “humanidade”. Para qualquer um destes três casos, nós temos boas notícias: para a ciência, tem ficado cada vez mais claro o quanto aqueles que leem literatura de ficção desenvolvem o dom da empatia muito mais do que os outros.

Por aqui não faltarão opções para você. Venha para a Biblioteca!

Imagem

A ciência comprova: ler faz bem para o cérebro. Conheça outros benefícios da leitura.

Imagem
Talvez a conclusão deste post não surpreenda a maioria dos leitores, mas a ciência comprovou recentemente o que parecia óbvio: literatura faz bem para o cérebro! Nos Estados Unidos, um grupo de teste foi convidado a ler um capítulo do romance Mansfield Park, de Jane Austen, dentro de uma máquina de ressonância magnética, enquanto pesquisadores da universidade de Stanford analisavam os resultados neurológicos. Para o experimento, era preciso ler o capítulo de duas formas distintas: primeiramente, uma leitura descompromissada; depois, uma leitura para análise crítica da obra. A conclusão do estudo apontou que a leitura de livros pode ser um exercício valioso para o cérebro, já que quando lemos, o sangue flui para diversas áreas associadas à concentração e, no caso de uma leitura mais crítica, também para áreas menos ativas do cérebro.

“Não julgue cada dia pela colheita que você obtém, mas pelas sementes que você planta.”

Imagem
Pomar Literário
Biblioteca Gracinda dos Anjos de Sá Domingues
9 a 13 de Maio – das 10h às 16h

Semana toda voltada ao Incentivo a Leitura, a biblioteca disponibiliza em seu pomar, livros de diversos gêneros.
Indicação: livre. Informações: 2229-5639. R. Luiz Silvestri, s/nº, Jd. Bom Clima.



Aproveite seu fim de semana para falar bem, ouvir bem, ver bem.

Imagem

6ª Que Vem a História...

Imagem
"Eduquem as crianças, para que não seja necessário punir os adultos."


Projeto que visa reunir as crianças para ler e ouvir histórias. Confira a programação:

Biblioteca Orobó Mikail 8/ sexta, às 15h Livros “Carrossel: brincadeiras de rua”, de Daniella Marcos, que traz várias sugestões de brincadeiras saudáveis e adequadas para o desenvolvimento das crianças, e “A pipa e o menino”, de Caio Ducca. Com a disposição para experimentar e aprender, a pipa chega a lugares e situações que superam todas as expectativas. Ao embarcar nesta história, o menino e a pipa nos dão sua melhor lição – é possível sonhar – e os sonhos são possíveis. Informações: 2408-4543. R. Justiniano Salvador dos Santos, 311, Pq. Mikail.



Biblioteca Maestro Cezar Testai 22/ sexta, às 15h “Tudo bem ser diferente”, de Todd Parr. O livro trabalha com as diferenças de cada um de maneira divertida, simples e completa, alcançando o universo infantil e abordando assuntos que deixam os adultos de cabelos em pé, como adoção, …

Livros um bom presente de Natal

Imagem

6ª Que vem a história…

Imagem
Primeiro encontro do Projeto 6ª Que vem a história…Leitura de histórias para as crianças às sextas-feiras com início em 13 de maio, 14h30min, na Biblioteca do CEU Ponte Alta.
Estrada do Mato das Cobras, s/n. Jardim Ponte Alta
Programação completa e informações adicionais no hotsite do evento.

Sarau Infantil

Imagem
Biblioteca Orobó Mikail
Dia 31 de Julho / sábado
Às 14h


Projeto de incentivo à leitura em forma de sarau, onde as crianças se expressam através da leitura de poesias.

Rua Justiniano Salvador dos Santos, 311, ao lado da quadra do Mikail.

1° Encontro de Escritores Guarulhenses

Biblioteca Monteiro Lobato
Dia 24 de Julho / sábado
Às 17h.


Em comemoração ao Dia Nacional do Escritor, a Secretaria de Cultura promove o 1° Encontro de Escritores Guarulhenses, onde o incentivo à leitura, o descobrimento de novos talentos e suas produções literárias estarão na pauta do encontro.

Entrada franca.
Rua João Gonçalves, 439, Centro.