Agosto é mês de grandes escritores nacionais

Imagem
Fonte :https://academiapopulardeletras.wordpress.com/2015/08/24/agosto-e-mes-de-grandes-escritores-nacionais/
Agosto é um grande mês para a literatura. É um mês que marca o nascimento de vários autores importantes nacionais e estrangeiros. Destacamos aqui quatro escritores brasileiros, que merecem ser lidos, relidos e descobertos por quem ainda não os leu. 
Confira:
10/08/1912 – JORGE AMADO Nasceu na Bahia e mudou-se, em 1930, para o Rio de Janeiro. Aos 19 anos publicou seu primeiro livro, O País do Carnaval (1931). Entre suas importantes obras estão Mar Morto, Capitães de Areia, O Mundo da Paz, Tocaia Grande e Grabriela, Cravo e Canela. É um escritor da segunda geração modernista. 20/08/1889 – CORA CORALINA Nasceu na Cidade de Goiás (GO), batizada de Ana Lins dos Guimarães Peixoto Bretas. Apesar da pouca escolaridade, aos 14 anos começa a publicar contos e poemas em periódicos da cidade sob o pseudônimo Cora Coralina. Poeta e contista, autora de obras como Poemas dos Becos de Goiás e Estór…

Espaço Braille

Espaço Braille Profª Alice Ribeiro

Biblioteca Monteiro Lobato
Rua João Gonçalves, 439 Centro, Guarulhos
Segunda a sexta-feira, das 8h às 17h
Acervo Braille. Foto: FV
O Espaço Braille Prof.ª Alice Ribeiro, na Biblioteca Monteiro Lobato, inaugurado em 22 de maio de 2000, oferece um atendimento especialmente direcionado às pessoas com deficiência visual, facilitando o acesso a livros didáticos, paradidáticos, infanto-juvenis, romances etc., ampliados ou transcritos ao Sistema Braille ou gravados em CDs.

O acesso à informação de todo tipo de material e recursos tecnológicos torna possível ao deficiente visual ter acesso ao entretenimento literário, aprendizado, informações e à internet, contribuindo assim para a sua integração e inclusão social e desenvolvimento cultural.

O Espaço Braille, com seus recursos tecnológicos e cursos em Braille, se tornou referência na cidade pela capacidade de treinamento e ensino.

Cabine de gravação

Cabine de gravação, [200- ]. Foto: FV
A cabine de gravação de livros falados do Espaço Braille Professora Alice Ribeiro foi inaugurada em 10 de dezembro de 2008.  O estúdio permite gravações de textos de necessidade imediata de alunos e usuários com deficiência visual e livros solicitados, enriquecendo assim o acervo digital disponível. A iniciativa contou com o patrocínio da Petrobras Cultural.

Esse serviço conta com o apoio técnico funcionários que operam o equipamento de som e gravação e uma equipe de voluntário-ledores. Após todo o processo de gravação, o audiolivro é entregue para o bibliotecário que faz todo o processamento técnico para torná-lo disponível no acervo.

Regulamento para empréstimo de livros Braille e Audiolivros


Matrícula
Público Alvo
  • Usuários com deficiência visual;
  • Usuários com baixa visão;
  • Usuários que cursam Copista Braille ofertado pela Biblioteca ou por outra instituição de ensino.
OBS: Alunos do curso Copista Braille de outras Instituições de Ensino devem apresentar declaração do curso.

A matrícula é única por usuário e sua validade é de 1 (um) ano a partir da data de cadastro. A idade mínima para a matrícula é de 5 (cinco) anos. Menor de 14 (quatorze) anos deve vir acompanhado do responsável maior de 18 anos, comprovando o parentesco direto (pais, avós, irmãos) por meio de documentos. O usuário maior de 14 (quatorze) anos poderá autorizar uma pessoa, maior de 14 (quatorze) anos para retirar em seu nome os materiais para empréstimo, pai e mãe são autorizados automaticamente, nestes casos, é necessário apresentar a identidade da pessoa autorizada e o cartão do usuário.
Os documentos necessários para a matrícula são:
  • Carteira de identidade (RG), certidão de nascimento (somente para menores de 18 (dezoito) anos), carteira de trabalho ou carteira nacional de habilitação com foto.
  • Comprovante atual de residência, não anterior a 90 (noventa) dias: conta de água, telefone ou energia ou correspondência recebida por intermédio dos correios. Residente em outro município, que estude ou trabalhe em Guarulhos, deve trazer um comprovante atual assinado e carimbado pela empresa ou escola atestando vínculo com a cidade.
Renovação da matrícula
O usuário, desde que não esteja em débito com qualquer uma das bibliotecas do Sistema, poderá renovar seu cadastro apresentando os mesmos documentos solicitados no ato da matrícula.

Cartão de usuário
Será entregue ao usuário, no ato do cadastro da sua matrícula, podendo ser utilizado de imediato. É pessoal e de inteira responsabilidade do usuário. É válido em todas as bibliotecas informatizadas. Sua perda deverá ser comunicada e a 2ª via será emitida somente 1 (uma) vez, mediante apresentação do RG original.

Empréstimo
O usuário cadastrado, apresentando o cartão de usuário e um documento com foto, poderá emprestar até 02 (dois) títulos, máximo 10(dez) volumes e 2 (dois) outros materiais (apostila, revista, entre outros) com exceção daqueles sinalizados com circulo vermelho (obras de consulta). Na impossibilidade da presença do usuário cadastrado, a pessoa autorizada para retirar livros deverá apresentar um documento de identidade próprio e o cartão de sócio do titular.
O prazo para permanência com o material é de 30 (trinta) dias.

Devolução
Todo material emprestado deverá ser devolvido dentro do prazo na biblioteca onde foi feito o empréstimo e nas mesmas condições em que foi retirado.
A devolução poderá ser feita pelo titular ou por terceiro, mediante apresentação do cartão de usuário.
O usuário, que não devolver o material bibliográfico retirado para empréstimo dentro do prazo, estará suspenso dos serviços da biblioteca. A penalidade será de 02 (dois) dias de suspensão para cada dia de atraso (dias corridos).
O usuário que, durante um ano, entregar os materiais dentro do prazo, passará à categoria de usuário VIP podendo retirar até 3 (três) livros, essa condição cessará a partir do momento que houver algum atraso.
A pontualidade na entrega dos materiais e a perfeita conservação dos mesmos constitui a melhor colaboração que as bibliotecas do Sistema esperam de seus usuários.

Extravio e danos de materiais consultados ou emprestados
Nos casos de perda, extravio por roubo ou furto, e em caso de danos aos livros como: rasuras, umidade, rabisco, desenhos, sujeiras, etc, o usuário é RESPONSÁVEL pela reposição imediata de um exemplar igual, na impossibilidade, um semelhante determinado pelo bibliotecário.


Casos omissos neste regulamento serão resolvidos pelo(a) bibliotecário(a) responsável.

Postagens mais visitadas deste blog

Busque você mesmo!