Projeto Poesia às 2as.feiras


JOSÉ, Elias ; ALEXANDRINO, Helena (ilust.) O pintor e o presidente. IN: No balancê do ABECÊ. 4a.ed., São Paulo, Paulinas, 2003. p. (Arteletra)

Pedro de Paula Pereira,
pintor pernambucano,
pediu para ir ao Palácio
pra pintar o Presidente.

O Presidente aprovou
e fez publicidade do fato:
COM UM PRESIDENTE DO POVO,
O POVO PEDE, O POVO PODE.

A pintura pronta, o Presidente
possesso não aprovou e aprontou,
mandando preso pro presídio
o pintor Pedro de Paula Pereira.

No presídio, Pedro pintou sem pressa
um enorme e precioso presépio,
presenteando a Capela de São Pedro.

Comovidos com a perfeição da pintura,
o padre e a população, com discursos,
presentes, cantigas e preces,
homenagearam Pedro de Paula Pereira.

Enquanto Pedro esculpe em pedra
uma imagem de São Pedro pra capela,
o país pede ao Presidente que livre
da pena o Pedro de Paula Pereira.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Busque você mesmo!