Compartilhe suas indicações.

Imagem
"Livros não mudam o mundo. Livros mudam as pessoas.  As pessoas mudam o mundo."
Participe do Projeto "Eu Indico!". Retire um folheto na recepção superior da Biblioteca Monteiro Lobato e divida com a gente o porquê de ele merecer um lugar especial na sua lista de livros preferidos. Sua indicação ficará exposta no nosso mural e ainda pode ganhar um destaque especial em nossas redes sociais.

Inscrições para o Prouni 2016 abrem na próxima terça-feira (19)

Veja quem pode participar do programa e como fazer sua inscrição no Prouni 2016.

A partir da próxima terça-feira, 19 de janeiro, estará aberto o prazo de inscrições para a primeira edição de 2016 do Programa Universidade para Todos (Prouni), que se estenderá até às 23h59 do dia 22. Todas as inscrições deverão ser feitas pela internet, por meio do site oficial do programa.
Serão feitas duas chamadas, sendo a primeira no dia 25 deste mês e a segunda no dia 12 de fevereiro, ambas online.


Para participar, o aluno precisa ter prestado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2015 e alcançado uma nota mínima de 450 pontos na média das provas, além de não ter tirado zero na redação. Também será necessário informar o CPF, número de inscrição e a senha utilizada para ter acesso à Página do Participante do Enem.


Para concorrer a uma bolsa integral, o candidato precisa comprovar renda familiar mensal de até um salário mínimo e meio, ou de até 2 salários mínimos para bolsas com descontos parciais. Para professores da educação básica, que trabalhem em instituições da rede pública e queiram concorrer a uma bolsa para cursos de licenciatura, não será necessário comprovar renda. Os candidatos ao Prouni poderão se candidatar até duas opções de curso e instituição.



O que é o Prouni

Criado em 2004 pelo Governo Federal, o
Prouni oferece bolsas de estudo integrais e parciais, para estudantes brasileiros de baixa renda, em instituições de ensino particulares de ensino superior.


Podem participar do programa alunos que tenham estudado na rede pública ou particular de ensino, desde que tenham sido bolsistas nas instituições nas quais cursaram o ensino médio, e também pessoas com deficiência.

Fonte: universia.com

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Busque você mesmo!