Projeto Poesia às 2as.feiras

Imagem
GULLAR, Ferreira. O lampejo. IN: Toda poesia (1950-1999). 10ed., Rio de Janeiro, José Olympio, 2001. p.356

O poema não voa de asa-delta
não mora na Barra
não frequenta o Maksoud.
Pra falar a verdade, o poema não voa:
anda a pé
e acaba de ser expulso da fazenda Utupu
                                           pela polícia.

Como mal dorme mal cheira a suor,
parece demais com o povo:
                                            é assaltante?
                                            é posseiro?
                                            é vagabundo?
frequentemente o detêm para averiguações
          às vezes o espancam
          às vezes o matam
          às vezes o resgatam
          da merda
                         por um dia
e o fazem sorrir diante das câmeras da TV
de banho tomado.

O poema se vende
                se corrompe
confia no governo
desconfia
de repente se zanga
e quebra trezentos ônibus nas ruas de Salvador.

O poema é confuso
mas tem o rosto da história brasileira:
               tisnado de sol
   …

Agenda Cultural


     Biblioteca Monteiro Lobato
     R. João Gonçalves, 439 - Centro. Info: 2087-4177

Grupo de Estudos de Filosofia
1ºe 15/ sábados, às 9h30
Reuniões para o público jovem refletir e discutir sobre questões abordadas pela Filosofia Política. Conta com dinâmicas de apresentação, sob a condução do Prof. Fabiano Pereira, que visam superar a inibição e preparar para a realização de café filosófico. Orientação: Prof. Weslay A. Maia. Entrada franca. 

Recordando o Trem das Onze
Herminda Tavela Abrantes
De 01 a 16 de agosto
A exposição, que retrata em pinturas à óleo as estações de trem do trecho entre Tamanduateí, Cantareira e Guarulhos, do conhecido Trenzinho da Cantareira, administrado pela empresa inglesa Tramway. Os trens percorreram este trecho de 1894 a 1965, quando a linha férrea foi desativada. As memórias da artista plástica Herminda, que morou em Guarulhos e utilizava o trem quando criança, a levaram a pesquisar sobre o tema e a retratar as estações ferroviárias em suas pinturas. Quando a pesquisa ficou extensa, Herminda publicou um livro a respeito. A estação inicial do trem localizava-se junto ao Mercado Municipal de São Paulo. Em Guarulhos, as estações iam de Vila Galvão até Cumbica. A estação de Jaçanã, em São Paulo, ficou famosa pela canção de Adoniran Barbosa, que dá nome a esta exposição. 



Biblioteca Gracinda dos Anjos
R. Luiz Silvestri, s/n., Jd. Bom Clima. Info: 2229-5639

Oficina de Pintura Cega
4 e 18/ terças,`às 14h
Crianças estão convidadas a participarem da oficina de pintura com olhos vendados e utilizando somente o tato e a intuição. Entrada franca. Indicação: livre.

Oficina de Quilling
5, 12, 19 e 26/ quartas, às 14h
Você já ouviu falar em Quilling? Esse é o nome que se dá para a arte de criar figuras com tirinhas de papel. Os participantes aprenderão as formas básicas e produzirão um quadro, além de trabalhar a coordenação motora, criatividade e sensibilidade que a técnica exige. Indicação: livre.

Oficina “EntreOsNós”
6, 13, 20 e 27/ quintas, às 14h
A iniciativa promove trocas de experiências e de conhecimentos entre os envolvidos, em rodas de conversa acompanhadas de oficinas de artesanato. Indicação: livre.

Biblioteca do Jardim Presidente Dutra
Pç. Orobó, s/nº, Jd. Pres. Dutra. Info: 2431-9711

Cineclubinho
5/ quarta, às 14h
O projeto itinerante tem como foco uma curadoria voltada para exibições de filmes que reflitam o universo infantil. Entrada franca. Indicação: livre. 

Biblioteca do Orobó Mikail
R. Justiniano Salvador dos Santos, 311, Pq. Mikail. Info: 2408-4543

Recicla Biblio
6/ quinta, às 14h
Este projeto propõe a reutilização de materiais para a confecção de diversos objetos visando à conscientização sobre a importância da reciclagem. Para homenagear os pais, a artesã Cida Carvalho ensina a confecção de porta-canetas utilizando rolos de papel higiênico. Indicação: 10 anos. Vagas: 10. 

6. Que vem história...
Projeto que visa reunir as crianças para ler e ouvir histórias. Neste mês as leituras versam sobre o Folclore brasileiro e o Dia dos Pais.
7 / sexta, às 15h 
Em comemoração ao Dia dos Pais (9), a Biblioteca propõe a leitura de histórias de pais e filhos.


A agenda completa do Município e do Sistema de Bibliotecas Públicas de Guarulhos você acessa aqui

*Programação sujeita a alteração.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Busque você mesmo!

Programa Agentes de Leitura