Projeto Poesia às segundas-feiras


MATTOSO, Glauco. Eleitoreiro. IN: Póetica na Política: cem sonetos panfletários. São Paulo, Geração, 2004, p.9

Fulano é candidato e, na pesquisa,
dispara feito um Senna, lá na frente.
Sicrano também quer ser presidente,
Mas, como é governista, se narcisa.

Fulano em bronca nada economiza.
Sicrano, o branco, rindo, mostra o dente.
Barbudo, diz Fulano, que "Ele mente!"
Farsante, tem Sicrano a cara lisa.

Por fora corre o cínico Beltrano,
Gozando, no debate, os dois primeiros:
"Aquele dá calote; este dá cano!"

Produto, todos três, dos marqueteiros,
não tem ciência ou fé; projeto ou plano:
iguais, de resto, aos outros brasileiros.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Busque você mesmo!

Programa Agentes de Leitura