Agosto é mês de grandes escritores nacionais

Imagem
Fonte :https://academiapopulardeletras.wordpress.com/2015/08/24/agosto-e-mes-de-grandes-escritores-nacionais/
Agosto é um grande mês para a literatura. É um mês que marca o nascimento de vários autores importantes nacionais e estrangeiros. Destacamos aqui quatro escritores brasileiros, que merecem ser lidos, relidos e descobertos por quem ainda não os leu. 
Confira:
10/08/1912 – JORGE AMADO Nasceu na Bahia e mudou-se, em 1930, para o Rio de Janeiro. Aos 19 anos publicou seu primeiro livro, O País do Carnaval (1931). Entre suas importantes obras estão Mar Morto, Capitães de Areia, O Mundo da Paz, Tocaia Grande e Grabriela, Cravo e Canela. É um escritor da segunda geração modernista. 20/08/1889 – CORA CORALINA Nasceu na Cidade de Goiás (GO), batizada de Ana Lins dos Guimarães Peixoto Bretas. Apesar da pouca escolaridade, aos 14 anos começa a publicar contos e poemas em periódicos da cidade sob o pseudônimo Cora Coralina. Poeta e contista, autora de obras como Poemas dos Becos de Goiás e Estór…

Projeto Poesia às segundas-feiras

capa do livro Carrego comigo, de Thayame Porto

PORTO, Thayame. Carrego comigo. São Paulo, Scortecci, 2011. p. 27.

FOTOGRAFIA

Dizem que a poesia
eterniza os momentos
como a fotografia.
Apreciei um bom momento
quis registrar
não tinha uma máquina de fotos
sentei na frente da paisagem
e descrevi:
– Uma praça e seu jardim
no centro da cidade
a noite permitia uma garoa.
Entre as plantas, luminárias.
Todas acesas clareando a plantação.
Como uma gaiola de proteção
por cima das luminárias
uma barra:
Por cima da barra
sem preocupar-se com nada:
Um gato rajado, alaranjado
lambia-se folgado.
Patas ao ar
nem ligava pra garoa,
sentia-se o artista da praça
convidando este poema a nascer.
Olhos ao horizonte
aproveitava a noite folgoso
em cima da barra de luz
que servia-lhe como flash.
Momento registrado
pensamento tranquilo
poeta aliviado.
Fecho o caderno, guardo a caneta e vou-me embora.
1 comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Busque você mesmo!