Projeto Poesia às 2as.feiras

Imagem
GULLAR, Ferreira. Oswald morto. IN: Toda poesia (1950-1999). 10ed., Rio de Janeiro, José Olympio, 2001. p.73

Enterraram ontem em São Paulo
um anjo antropófago
de asas de folha de bananeira
(mais um nome que se mistura à nossa vegetação tropical)

As escolas e as usinas paulistas
não se detiverem
para olhar o corpo do poeta que anunciara a civilização do ócio
Quanto  mais pressa  mais vagar

O lenço em que pela última vez
assoou o nariz
era uma bandeira nacional

NOTA:
Fez sol o dia inteiro em Ipanema
Oswald de Andrade ajudou o crespúsculo
hoje domingo 24 de outubro de 1954

Ledor Voluntário


Cabine de gravação de livros falados


O Espaço Braille da Biblioteca Monteiro Lobato convida voluntários para realizar gravações de livros ou apostilas para usuários deficientes visuais.

  1. Haverá um teste primário para determinar se o voluntário ou voluntária estará apto para leituras no microfone, com ritmo, dicção, altura da voz...
  2. Os testes ocorrerão a partir do dia 22 de Janeiro de 2012

Para maiores informações sobre o programa entrar em contato com a Profª. Juana no telefone 2087-6900 ou 2087-6907

Ledor voluntário é uma pessoa  que tem como diferencial a vontade de exercer a solidariedade, destinando pelo menos uma hora por semana do seu tempo para ler qualquer tipo de textos para pessoas com deficiência visual.

Todas as pessoas que apreciam a leitura e que possuam pelo menos uma hora disponnível em algum dia da semana, no período matutino ou vespertino.

Sua função é informar todo o conteúdo do livro impresso por meio de sua voz. Não deve se preocupar em explicar o conteúdo do livro ou em traduzi-lo. Deve apenas retirar o texto que está em um formato e passar para outro formato.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Busque você mesmo!

Programa Agentes de Leitura