Projeto Poesia às 2as.feiras

Imagem
GULLAR, Ferreira. Poema. IN: Toda poesia (1950-1999). 10ed., Rio de Janeiro, José Olympio, 2001. p.217
Se morro o universo se apaga como se apagam as coisas deste quarto                                     se apago a lâmpada: os sapatos-da-ásia, as camisas e guerras na cadeira, o paletó- dos-andes,          bilhões de quatrilhões de seres e de sóis          morrem comigo.
Ou não:           o sol voltará a marcar           este mesmo ponto do assoalho           onde esteve meu pé;                                          deste quarto           ouvirás o barulho dos ônibus na rua;             uma nova cidade             surgirá de dentro desta             como a árvore da árvore.
Só que ninguém poderá ler no esgarçar destas nuvens a mesma história que eu leio, comovido.

Sugestões de leitura

Livros disponíveis no acervo
Crianças e adolescentes protagonistas

C P238
PAES, José Paulo (org.) Histórias de aventuras. São Paulo, Ática, 2000. 149p. (Para gostar de ler)
Nascemos e crescemos embalados por histórias de heróis – gente de coragem e astúcia que desafia o perigo: a luta de uma legião de soldados contra forças ocultas, garotos curiosos se vêem diante de um povo esquecido pela civilização, uma cidade espera ser salva da ameaça de um leão. Escritores de todos os tempos mesclam realidade e imaginação ao recriar o fascinante mundo da aventura humana.

F D859d
DRUMMOND, Roberto. Dia de São Nunca à tarde. São Paulo, Geração, 2004, 85p.
Neste livro, o autor conta a história do internato do Colégio São Francisco, em Minas Gerais. Neste misterioso lugar, alunos convivem com fantasmas, freis fazem milagres e todos jogam futebol. A história toda gira em torno dos irmãos Gabriel e Gabriela. Gabriel é o craque do time de futebol e também o aluno mais popular. Com a volta de Gabriel, um mistério surge no ar: será que ele é mesmo Gabriel ou será sua irmã Gabriela?

F D776c
DOWD, Siobhan. A carne dos anjos. Rio de Janeiro, Agir, 2009, 267p.
Shell tem apenas 15 anos, mas a vida já é bastante cruel com ela: desde a morte da mãe, o pai voltou as costas à realidade e entregou-se a bebida, deixando que ela se ocupasse dos 2 irmãos menores. Ela não quer mais freqüentar a igreja e falta regularmente às aulas da escola. Sem ter com quem compartilhar suas aflições de menina, ela pensa que o espírito da mãe retorna à Terra como um fantasma benigno.
Logo Shell se encontrará no centro de um gravíssimo escândalo, que abala os fundamentos da pequena comunidade irlandesa onde vive e ecoa por todo o país. Para enfrentar essa provação, ela terá de apelar para toda a sua coragem.

F G571s
GOLDING, William. O senhor das moscas. Rio de Janeiro, Nova Fronteira, c1954, 217p.
Este romance narra a história de um grupo de garotos ingleses evacuados de uma cidade alvejada por um bombardeio atômico. Após sofrerem um ataque aéreo, são confinados numa ilha deserta do Pacífico. Lá reconstituem os valores de sua própria sociedade, dividindo-se em 2 bandos que disputam o poder acirradamente: um chefiado pelo pacato Ralph, outro pelo violento Jack

F K64c
KING, Stephen. Carrie. São Paulo, Abril, 1983, 183p. (Grandes sucessos)
Você vai simpatizar com Carrie, a estranha, uma adolescente que é castigada por sua mãe, fanática religiosa, e por seus próprios colegas de colégio, que a julgam diferente, tímida e reprimida. Você será também cúmplice do segredo de Carrie. E vai se empolgar quando souber que ela pode punir os seus agressores.

F S16pSALINGER, J.D. Pra cima com a viga, moçada e Seymour, uma introdução. São Paulo, Brasiliense, 1984. 150p. (Circo das Letras)
Obs. Publicado posteriormente pela L&PM como Carpinteiros, levantem bem alto a cumeeira e Seymour, uma apresentação
O autor conta histórias da vida de um vidente-profeta e magnífico poeta desconhecido, Seymour Glass, fazendo um apaixonado apelo à imaginação e ao humor como única defesa contra a caretice irremediável. Também traça a trajetória de um espírito brilhante.

929BEAH B35m
BEAH, Ishmael. Muito longe de casa: memórias de um menino-soldado. Rio de Janeiro, Ediouro, 2007. 222p.
Ao escapar de um ataque de rebeldes, aos 12 anos de idade, a autor perambula pelo interior de seu país, Serra Leoa, acompanhando o desenvolvimento da guerra em seu país. Foi vítima mas foi também algoz. Nestas memórias, o autor revela-nos sua vida em meio a uma guerra civil.

929ORTIZ O89e
ORTIZ, Esmeralda do Carmo. Esmeralda: por que não dancei. São Paulo, SENAC, 2000, 208p.
Este livro é o depoimento de quem esteve nas ruas desde os 8 anos de idade, convivendo com a violência, as drogas e a indiferença. É mais ainda: é o roteiro de seu renascimento, da construção de sua autoestima, da recuperação da dignidade como ser humano.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Busque você mesmo!

Programa Agentes de Leitura