Projeto Poesia às 2as.feiras

Imagem
GULLAR, Ferreira. Glauber morto. IN: Toda poesia (1950-1999). 10ed., Rio de Janeiro, José Olympio, 2001. p.351

O morto não está de sobrecasaca
não está de casaca
não está de gravata.

O morto está morto

não está barbeado
não está penteado
não tem flor na lapela
um flor 
na calça
sapatos de verniz

não finge de vivo
não vai tomar posse 
na Academia.

O morto está morto
em cima da cama
no quarto vazio.

Como já não come
como já não morre
enfermeiras e médicos
não se ocupam mais dele.

Cruzaram-lhe as mãos
ataram-lhe os pés.

Só falta embrulhá-lo
e jogá-lo fora.



Sinopse - Léguas da promissão de Adonias Filho

Imagem: http://www.traca.com.br/


"Neste novo livro, encarado em conjunto (na moldura de Itajuípe e arredores) o herói trágico e o sertão se defrontam sob o signo da violência e da patética da morte."; "Não se limita, para isso, a ser um novelista admirável, mas também se vale do grande escritor que é, pela consciência do ofício com estilo e arte inconfundíveis."; "Os seus personagens existem e aqui estão, trazidos em carne e osso para estas páginas que sobremodo enriquecem a moderna novelística brasileira."

Fonte: http://www.estantevirtual.com.br/
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Busque você mesmo!